Até que enfim! 2016

12460104_10153894078734903_1348539850_n

O ano está praticamente acabando, e o que podemos esperar para esse finalzinho e esse começo de ano longo que vem por aí?

O medo de ser mais um ano ruim, o medo de começar tudo novo de novo, o desânimo que bate de “lá vamos nós outra vez” e  sempre aquela repetição de datas e festas.

Depois de um ano tão duro como 2015 é difícil ter forças para acreditar que tudo vai melhorar. Melhorar só depende única e exclusivamente da gente.

Começando o ano fazendo uma pequena reflexão do que não deu certo, pequenas coisas mesmo e fazer tudo diferente.

Só porque o ano está chegando ao final, não precisamos sair correndo para tentar resolver tudo antes que o ano acabe. Relaxe!

Aproveite ao máximo o calor, beba um drink gostoso, assista uma série que nunca viu e sempre teve vontade. Ouça a música que mais gosta e dance como se não houvesse amanhã. Viva a vida real, desconecte um pouco.

Foi pra praia? Aproveite e ouça o barulho do mar o máximo de tempo que puder, pois ele é o único que não para nunca. Ligue o botão de modo avião que tem em você e faça coisas aleatóriamente sem tanta pressão sobre você mesmo.

Fique em silêncio, nem que for por um minuto, não paramos o ano todo, vivemos numa pilha a maior parte do tempo, às vezes, um minuto em silêncio só você com você mesmo pode fazer a diferença.

Coma doce sem medo de ser feliz, afinal, você se policiou o ano todo, um dia não fará diferença. Pois o que importa aqui é felicidade.

Pense seriamente em tudo que você comprou durante o ano e pense se realmente você consome todas essas coisas.

Repense sobre o seu consumismo, repense sobre reformular seu guarda-roupas no próximo ano para consumir menos, lembre daquelas peças que não usa há mais de 1 ano e doe, troque, compartilhe, o que é velho e fora de moda pra você pode ser novo pra outra pessoa. Repense novos looks com o que você tem, vista e brinque com seu guarda-roupas, bata fotos e veja se realmente você não consegue viver com ele por um tempo.

Consumir conscientemente é libertador. É próspero, é algo a se pensar para o ano que está quase aí. É gastar menos, é economizar e poupar para uma viagem, que tal?

Consuma do pequeno, compre de marcas locais, há tanta gente fazendo coisas tão legais, com qualidade tanto quanto das grandes marcas e não damos valor pois na maior parte das vezes, o nome que importa. #compredopequeno

Já é uma forma de consumo consciente, ajudando a economia local, mudando tua visão de consumo, gerando estilo próprio e você gostando mais de você do que nunca. Fato!

O ano está quase terminando, não conseguimos arrumar o estrago que fizemos durante o ano em poucos dias, mas conseguimos consertá-los a longo prazo, sem torturas.

“Somos o resultado de nossas escolhas e decisões. Em nossas mãos estão a felicidade ou a tristeza. É certo que não podemos voltar no tempo e apagar o que foi feito, mas sempre podemos começar de novo e fazer diferente.”

Que 2016 seja próspero, eu Karina, que aqui cheguei a pouco e a Vânia Musa desejamos a todas vocês que o ano que está por vir seja maravilhoso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *