3 maneiras de usar seu kimono

 

Cês já tão carecas de ouvir falar de terceira peça por aqui e no instagram. Gosto muito e acho que é um super atualizador de look! Uso muito terceira peça pra refinar, pra dar aquela cara de produção descolada, pra deixar mais arrumadinho, pra tirar o basicão da mesmice, mas não tenho um monte. Sempre uso uma roupa como base, a terceira peça e dou outra cara para os looks que monto com sapatos e acessórios.  E é desse jeito que funciona, né. O correto é toda peça de roupa que a gente tem no armário – ou que quer comprar – tem que render pelo menos 3 looks diferentes.

E pra te explicar isso de maneira mais fácil montei três versões com meu kimono listrado: com nozinho, preso e acinturado com cinto e todo solto.

kimono

 

kimono

 

kimono

 

Usei a mesma base em todas as versões, mas pensa comigo: se mudarmos a blusa e a parte de baixo em cada uma dessas possibilidades de amarração esse kimono rende e muito, além de dar outra cara pra cada look.

O grande segredo dessa peça tá na modelagem (com corte todo reto e abertura nas laterais) que faz ela ser quase multifuncional e se torna única por permitir diferentes amarrações.

Esse exercício de criatividade ensina pra gente que não vale nem um pouco a pena ter muitas peças e usar todas elas da mesma maneira. Vale – e muito! – fazer uma só render várias e consequentemente multiplicar seu guarda-roupa! 😉

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *